Home Claudia Menezes Escreve Comece pelo simples! Os comediantes não testam piadas com grandes plateias.

Comece pelo simples! Os comediantes não testam piadas com grandes plateias.

4 min read
0
0
16

cafe_02

Café Com Ideias: Seja na vida profissional, social ou nos relacionamentos, sempre que alguém pensa em desenvolver algo, o primeiro pensamento é desenvolver da maneira mais complexa, ou seja, pelo caminho mais longo. A ideia sempre é: “Obter excelência em tudo”. Quando se trata da profissão, busca-se ser o maioral na empresa, ocupando o melhor cargo. Se o assunto é vida social, busca-se ser a pessoa mais sociável e agradável do pedaço, com o maior número de contatos possíveis. E nos relacionamentos? O mais amado e o mais feliz do mundo. A ideia não é ruim, claro, mas isso pode acontecer no decorrer do tempo e começando pelo simples. É exatamente sobre isso que vamos falar hoje: “Ser simples”.

As grandes empresas como Google, Amazon e a Virgin, tiveram início à partir de uma simples ideia de seus fundadores. Podemos dizer que eles atingiram resultados exemplares à partir de pequenos experimentos. O “Grupo Virgin” de empresas teve início através de uma pequena ideia e sua sede nada mais era que na garagem de um dos seus sócios e fundadores: Richard Branson. Hoje conta com várias empresas, em seguimentos diferentes. De acordo com uma reportagem da “Vigin Mobile”, em 2014 a Anatel concedeu licença para sua atuação no Brasil. http://www.virginmobilelatam.com/pt/

Ao estudar a história desses empreendedores de sucesso, Peter Sims escreveu seu livro: “Little Bets”(Pequenas apostas). Quando esteve no Brasil, na cidade de Florianópolis em outubro de 2012, deu uma entrevista a revista Você S/A, cujo tema era: “Pela possibilidade de fazer acontecer”. Veja:

Quando perguntaram sobre como um profissional poderia se tornar inovador:

“Não importa a função, pequenas apostas criam a possibilidade de fazer acontecer. Elas não têm grandes riscos e são acessíveis, além de dar recompensas, também pequenas, mas realizáveis.”

Qual seria a vantagem de apostar pouco:

“Os comediantes, por exemplo, não testam uma piada nova com uma grande plateia. Eles contam primeiro para pequenos públicos. Experimentam, observam a reação deles e, se necessário, ajustam a piada. Assim eles conseguem ter um bom desempenho com outras plateias, isso porque as pessoas entendem como funciona aquela história.”

O que significaria pequenas apostas:

“Grandes ideias não são reais. Isso é puro mito. No dia a dia, o que dá mais resultado são os pequenos experimentos, pois eles reúnem informação necessária para uma grande mudança.”

Então, o que está esperando para tornar o simples em algo realmente esplêndido?

Abraços,

Claudia Menezes

Fonte: Revista Você S/A. Outubro 2012.

 

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais Claudia Menezes Escreve

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *